quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Sobre comportamento


Comportamento, limite, frustração... esse é apenas o início de espero eu que uma fase coberta de choro, grito, escândalo, careta, bico e por aí vai...

De umas semanas pra cá Dudu não pode ouvir um não que se revolta! Resitência a tudo que é proposto: chora para entrar no chuveiro, chora para sair dele, faz besteira para aparecer caso eu precise fazer algo que não seja brincar com ele. Chora para escovar os dentes, chora para fazer xixi, chora para deitar, chora para sair do parquinho... e nós sempre nos questionando! 

Sempre que posso leio, pesquiso, me informo sobre tudo que cerca a maternidade, educação, criação e ultimamente tenho engolido sites, reportagens, artigos e tudo o que encontro a respeito do comportamento, da birra. Primeiro me questionei se algo tinha mudado e não mudou. Dudu fica na creche 11 horas por dia como sempre ficou, o papaiu o busca e meus momentos com ele vão do acordar ao entrar na creche e desde quando chego em casa até dormir. E finais de semana é dedicação total ao pequeno.

Não mudamos nada na nossa rotina e tenho lido que essa fase é normal, mas precisa ser repreendida com dedicação, paciência, firmeza e objetividade. Então procuro ter paciência, mas sou ser humano de carne e osso e confesso que já tive rompantes de gritos, coloquei de castigo e peguei firme pelo braço, mas estou me controlando. Li sobre olhar nos olhos, abraçar forte e conversar sempre, demostrar situações que são muito melhores do que o escândalo.

Tenho evitado colocar de castigo, pois Dudu conta cheio de orgulho todos os dias que ficou de castigo, então já virou algo normal pra ele, tipo um bônus, que o fez tornar-se o popular da turma. Diariamente quando abro a porta para entrar em casa ele já me conta que ficou e o que fez para ficar... eu digo que não gostei porque o que ele fez não é legal (geralmente tem feito caretas para as tias, gritado na aula ou corrido quando não era para correr) mas logo depois elogio sua sinceridade, pois mesmo sabendo que não terá presentes enquanto ficar de castigo ele me conta tudo. Na ânsia de investigar esse comportamento que não é costumeiro no meu filhote eu sinto que estou interrogando e chega um ponto que ele não quer mais conversar.

Mas chegou ao ponto de sermos chamados no colégio e vem aquele misto de vergonha, com decepção. A realidade é que ninguém quer ouvir reclamação, eu posso reclamar do meu filho, mas se alguém vier reclamar dele talvez eu vire a leoa e o defenda mesmo sabendo que ele está totalmente errado. Até que foi tranquilo, pois a convocação era mais por causa da chupeta que ele não usa na creche mas usa em casa. A chupeta está afetando a fala do Dudu que está em atraso, se ele se empolga e sai falando não entendemos nada e por isso combinamos de usá-la só para dormir. Na creche, na rua ele já não usa, mas basta entrar no carro para voltar pra casa ele já pede e há dois dias isso foi negociado e Dudu só usa a chupeta para dormir. Dói ouvi-lo pedir um pouquinho da chupetinha, ele diz que precisa muito dela e tentamos distrai-lo, temos brincado muito mais com ele e falamos que é coisa de bebezinho, que deixa o dentinho torto e a esperança é que tenhamos sucesso dessa vez.

E o comportamento??? Foi relatado que Dudu quer ser sempre o primeiro da fila, quer que seja o DVD que ele escolhe o que a tia deve colocar e não suporta um não. E isso foi descendo quadrado pela minha goela, a mãe leoa ficou quieta desconhecendo as atitudes do seu filhotinho. Mas ao mesmo tempo fomos acalmado que isso é normal, que não é fácil amadurecer e que pelo que conversamos estamos agindo da forma certa: dando carinho, atenção, mas não se submentendo aos gritos.

Confesso que é cansativo, é chato estar tudo bem e por causa de um banho a paz descer por água abaixo. Mas sou mãe, sonho em ver meu filho criado, educado, um homem de bem, educado e mesmo sendo mole de amor eu tenho consciência que preciso ter atitude para ajudar meu filho e nossa família a superar essa fase!!! E que essa fase acabe logo!!!

Saudades daqui!!!



Beijos!

2 comentários:

  1. Ler ler ler... tb me acabo na leitura, mas ainda sigo muito mais a minha intuição.
    Fases eles tem muitas. Essa fase da birra não durou muito aqui em casa. Mas sabe, eu acho que às vezes sou durona demais... Ele me desafia de vez em quando, mas todo mundo sabe que eu não recuso dar uma palmada no bumbum se achar que preciso.
    Cada uma tem seu jeito e sua fórmula. Tenho ceretza que vc vai encontrar a sua. Mas sossego? esse aí a gente não vai ter nunca mais rsrsrs
    Senti muita falta de vc´s, esse cantinho não é o mesmo se vc´s não estão por aqui!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adoro seus comentário, obrigada!!! beijos!

      Excluir

Deixe um recadinho: